terça-feira, 31 de maio de 2011

Terço - Intenção: pelos doentes

1º Mistério
Agonia de Jesus no Horto

Meditação:
Quando chegou ao Monte das Oliveiras, Jesus teve uma visão. Uma visão que reservava as suas terríveis e impiedosas dores, causadas pelos nossos pecados, ingratidões, maldades do dia -a dia. Este futuro era tão mau que Jesus ao orar com insistência, suou gotas de sangue, que o mergulharam numa tristeza abismal. Apesar disso, Ele levanta-se e deixa o desânimo para trás, entregando assim a Sua vida na cruz, e cumprindo a vontade do Pai. Desta forma, Ele alcançou a nossa salvação. Com isto, aprendamos com Ele a rezar, para não cairmos em tentação.

Oração:
Senhor, ajudai-nos a orar com frequência infinita, para não cairmos em tentação e afirmarmos a nossa fé enquanto cristãos.

2º Mistério
Jesus é flagelado

Meditação:
Nesta passagem, Jesus é castigado e açoitado. Mais impressionante do que isto é a sua atitude, pois Jesus assume as nossas culpas e aceita o castigo, sujeitando-se ao abominável suplício do chicote, ficando com o Seu corpo completamente maltratado e dilacerado, derramando sangue.
Quem é que hoje em dia assume as culpas dos outros? Quem é que tem a humildade de se sujeitar a tal acto? Ninguém consegue, o que faz de Jesus o herói da Humanidade.

Oração:
Senhor, ajudai-nos a ser mais humildes para que consigamos seguir Jesus e alcançar o caminho da fé e da salvação.
Ajudai-nos a sermos mais fiéis aos ensinamentos de Jesus e a escutar a Sua voz com mais vigor.

3º Mistério
Jesus é coroado com espinhos

Meditação:
Novamente, o sofrimento de Jesus ultrapassa o limite humano. Jesus é troçado, escarnecido, ferido e repudiado pelos algozes de uma forma completamente brutal e abismal. È agredido com pontapés e socos, enquanto era evocado o seu título de Rei. Os malfeitores cuspiram para a sua face, e apesar disso, Jesus mantém-se sem reacção para com tal brutidade desumana. Ele morreu na cruz por nós, para nos salvar.
E qual é o nosso papel? Ignorar e fingir que Ele existiu?
Não, devemos retribuir-Lhe e fazer a vontade do Pai: amar incondicionalmente o próximo.

Oração:
Senhor, faz-nos compreender que Tu és a única riqueza, o sentido e a razão do nosso peregrinar na Terra.
Pedimos-Te que nos ajudes a perdoar, sem nos afastar daqueles que nos ofenderam.

4º Mistério
Jesus a caminho do Calvário

Meditação:
Jesus Cristo, depois de condenado por Pilatos, pôs-se a caminho do Calvário com uma cruz sobre os ombros. Ele abraçava a cruz com amor e não com repúdio, pois desejava elevar o estandarte no qual se iriam alistar os seus seguidores da terra. Assim Jesus alcançava a salvação, com o Seu exemplo, Ele mostra-nos que devemos abraçar também a cruz, vencendo então os obstáculos da vida na terra, pois é com a cruz que iremos compartilhar com Ele no Reino dos Céus.

Oração:
Senhor, tal como Jesus, ajuda-nos a abraçar a nossa cruz com mais força.
Ajuda-nos a ser testemunhas de fé e a vencer os obstáculos da vida, a aceitar a morte quando, como e onde Deus quiser.

5º Mistério
Jesus é crucificado e morre na cruz

Meditação:
Jesus foi um Rei que não teve cama, nem para nascer, nem para morrer. Nasceu numa manjedoura, morreu numa cruz.
Este é um raro exemplo de Rei, pois ao morrer por nós assumiu os nossos pecados. É por isso que ele é o Salvador. Deu a vida por amor ao Pai e à Humanidade.
Como podemos nós retribuir a tanto amor?

Oração:
Ajuda-nos Senhor a não desanimar diante das inúmeras dificuldades da vida, para que não percamos a esperança.
Dá-nos força e coragem para vencer nos momentos de desespero, torna-nos pacientes e compreensivos.

segunda-feira, 30 de maio de 2011

Terço - Intenção: pelos que não nasceram


1º Mistério
A anunciação

Meditação:
Maria foi escolhida por Deus para ser a mãe da pessoa mais importante da nossa história: Jesus Cristo.
Foi agraciada com o dom da maternidade, que é uma das melhores experiências por que uma mulher pode passar.
Mas há por esse mundo fora muitas mulheres que não pensam assim, ficando desapontadas por saberem que estão grávidas e, por isso, não deixando os seus filhos nascerem.

Oração:
Maria, tal como Tu te sentiste feliz ao saber que ias dar à luz, fazei com que todas as mulheres sejam contempladas com a mesma felicidade, de modo a que nunca interrompam voluntariamente os seus períodos de gestação.

2º Mistério
A visitação de Nossa Senhora à sua Prima, Santa Isabel

Meditação:
A visitação de Nossa Senhora à sua prima foi um ponto de união entre duas mulheres: união por se tratarem de duas mulheres da mesma família unidas pela graça de irem dar à luz em breve, união também na confiança na Palavra de Deus.
Assim deveriam ser todas as mulheres: unidas no projecto de ter um filho e não de o destruir antes de nascer.

Oração:
Meu Deus, uma criança não pede para ser gerada, por isso é injusto que a matem mesmo antes de nascer. Uma criança não pode escolher a mãe que virá a ter, por isso é injusto que essa mesma mãe decida se a criança vive ou morre… Ilumina todas as mulheres gestantes para que nunca tenham a tentação de acabar com a vida da criança que trazem no ventre.

3º Mistério
O nascimento do menino Jesus

Meditação:
O nascimento do menino Jesus foi um dos momentos marcantes da história da Humanidade: o nascimento do nosso Salvador.
Mesmo nascendo numa cabana sem condições, este menino veio ao mundo conforme estava escrito na Sagrada Escritura.
Muitos bébés há por esse mundo fora, que por falta de condições, não chegam a nascer…

Oração:
Senhor, sabemos que muitos bebés não nascem porque as mães não têm condições básicas de saúde para poderem ter um parto em segurança.
Sabemos que muitas crianças não nascem pelo facto das suas mães viverem em ambientes de guerra, de fome e de destruição.
Ajuda todas estas pessoas para que possam encontrar melhores condições de vida e desse modo gerarem crianças felizes e saudáveis.

4º Mistério
Apresentação de Jesus no Templo

Meditação:
Quarenta dias depois do nascimento de Jesus, Maria apresentou-O no Templo a Seu Pai - ali estava o menino que iria redimir os pecados do mundo.
Matar uma criança antes de esta mesmo nascer é um dos maiores pecados que alguém pode cometer… não é isso que Jesus quer, não foi para isso que Jesus morreu na cruz…

Oração:
Jesus, o pecado é como uma lança que trespassa o coração, mas por vezes há corações tão duros que não se importam com as lanças…
Por favor Jesus, não permitas que mais crianças morram antes de nascer… Faz com que todas as mulheres grávidas amem os seus filhos tal como Maria Te amou.

5º Mistério
Jesus perde-se e é encontrado no Templo

Meditação:
Um medo profundo tomou conta da alma de Maria e de José ao pensarem que tinham perdido o Seu amado Filho. Uma alegria enorme os invadiu quando O reecontraram.
É normal que assim seja: os pais amam os filhos e quando pensam que os perderam ficam desesperados, e exultam de alegria quando os reencontram. A isto chama-se amor… como é possível que certas mães não amem os filhos que trazem no ventre?

Oração:
Meu Deus, fizeste-nos livres mas por vezes não sabemos usar a liberdade que tão generosamente nos deste.
Faz com que toda a gente saiba usar a sua liberdade de acordo com o amor que devemos ter uns pelos outros, sem prejudicar ninguém, especialmente aqueles que, por ainda não terem nascido, nem se podem defender.
Perdoa todas as pessoas que contribuíram para a morte das crianças antes do seu nascimento, acolhendo-as na tua misericórdia.

domingo, 29 de maio de 2011

Terço - Intenção: pelo Papa Bento XVI

1º Mistério
A Ressurreição

Meditação:
Quantas vezes não estamos a sofrer por algo, e quando Jesus nos fala nós nem ouvimos o que ele nos têm para dizer? Por vezes até o culpamos do mal que nos acontece…
Maria o que fez perante o sofrimento da morte do seu filho? Chorou, mas quando o filho apareceu, ouviu as suas palavras com atenção e cumpriu a sua vontade sem o questionar…
Também nós, nos momentos mais difíceis, devemos ouvir os conselhos que Jesus tem para nos dar e acatar a sua vontade, porque Ele ama-nos e nada do que faz poderá ser para nos magoar.

Oração:
Senhor, ajudai-nos a escutar as Tuas palavras e segui-las para que possamos entregar-nos completamente a Ti como Maria o fez.

2º Mistério
A Ascensão

Meditação:
Nesta passagem Jesus mostra-nos que Deus não nos dá o que queremos mas sim o que precisamos e que tudo o que Ele faz tem uma razão de ser.
Como cristãos temos de ser mensageiros de Deus na terra e espalharmos perante os outros, que estão mais afastadas da nossa fé, aquilo em que nós acreditamos, porque se ofenderem a nossa religião estão a ofender-nos a nós. Sendo assim, é importante que defendamos aquilo em que cremos, Deus, seguindo assim o exemplo dos apóstolos.

Oração:
Senhor, ajuda-nos a ser mensageiros da nossa fé em todos os momentos.

3º Mistério
A descida do Espírito Santo sobre os Apóstolos

Meditação:
Nesta passagem existe mais uma prova de que Jesus nasceu para todos. Quando o Espírito Santo entra em cada um dos apóstolos, eles começam a falar a língua materna de cada pessoa e assim anunciam as maravilhas de Deus a cada um.
Isto quer-nos dizer que Jesus não dá importância à raça, nem à naturalidade de cada pessoa.
E nós, na nossa vida, também nos damos com todas as pessoas de forma igual, independente das diferenças que nos separam? Pelos vistos não
Excluímos, somos racistas, não ajudamos as pessoas que são diferentes de nós… Como cristãos temos de ser os primeiros a dar o exemplo e a ver para além das nossas diferenças, porque no fundo somos todos iguais aos olhos de Deus.

Oração:
Jesus pedimos-Te que nos ajude a anunciar-Te a todas as pessoas, independentemente da cor, raça, língua, tal como os apóstolos fizeram no dia de Pentecostes.

4º Mistério
A Assunção de Nossa Senhora

Meditação:
Esta passagem leva-nos a pensar como é a nossa fé e o quanto acreditamos em Deus e em tudo o que a nossa religião envolve.
Ir à missa e dizer que acredito em Cristo não chega para dizer que sou cristão. Tenho verdadeiramente de acreditar em Deus, que Ele nos ama a todos, e que está presente, seja para o bem ou para o mal.
Ser cristão só faz sentido se acreditarmos que Cristo ressuscitou por todos nós e que há vida para além da morte.

Oração:
Senhor, ajuda-nos a alimentar a nossa fé para que esta vá sempre crescendo e que em momento algum duvidemos da Tua existência.

5º Mistério
A Coroação de Nossa Senhora como Rainha do Céu e da Terra

Meditação:
Esta leitura leva-nos a pensar que temos de aceitar os desígnios que Deus nos dá, independentemente de os acharmos bons ou maus, apenas temos de acreditar que a vontade de Deus é o melhor para nós, tal como Maria fez quando nela se alojou o Filho de Deus.

Oração:
Senhor, ajuda-nos a aceitar a Tua vontade, acreditando que é o melhor para nós.

Jo 14, 15-21 - "Eu pedirei ao Pai, que vos dará outro Defensor"

Jesus revela hoje a sua preocupação em relação ao futuro dos seus discípulos, deixando a promessa que voltará para junto deles. É também um convite para que os discípulos vivam, de forma prática no seu dia-a-dia, o amor que têm a Jesus.
Este convite é extensível a todos nós...
Segunda-feira
«Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: «Se Me amardes, guardareis os meus mandamentos. E Eu pedirei ao Pai, que vos dará outro Paráclito, para estar sempre convosco.»

Jesus ao despedir-se dos seus discípulos, pede-lhes que O amem de verdade e promete que o Pai enviará outro “Defensor”, o Espírito Santo, para todos os que lhe obedecem.

Meditação
A condição essencial para a vinda do Espírito  Santo é o cumprimento dos seus mandamentos.
Será que nós também cumprimos os seus mandamentos? Jesus é Amor e requer amor para que o seu projecto seja concretizado. E nós seremos capazes de amar como Ele nos pede? Seremos capazes de nos comprometermos com este amor sem fim e incondicional?

Oração
Espírito Santo, derrama sobre mim, todos os teus dons!
Derrama sobre mim o dom do Amor, a fim de que em Ti possa eu amar a Deus sobre todas as      coisas.

Acção
Hoje vou esforçar-me para viver os mandamentos do Senhor.

Terça-feira
«Ele é o Espírito da verdade, que o mundo não pode receber, porque não O vê nem O conhece, mas que vós conheceis, porque habita convosco e está em vós.»

Jesus revela aos discípulos que o Espírito Santo é um mestre e auxiliador para eles, lembrando-lhes os ensinamentos de Jesus e ajudando-os a compreendê-los e a vivê-los e dá-lhes a certeza de nunca viverem abandonados a si próprios.

Meditação
O Espírito prometido revela-nos a presença de Jesus entre nós. É a presença na comunidade em que se vive o amor. Este amor é a união com Jesus e com o Pai. Quem assim ama reconhece a presença de Jesus. Amar Jesus é amar-nos uns aos outros. Reconhecemos nós a presença de Jesus na nossa vida?

Oração
Senhor, ilumina-me com o Espírito da Verdade, a fim de que eu viva, antes de tudo, a verdade do amor, da paz e da justiça. Ajuda-me, para que eu consiga com palavras e atitudes, anunciar a todos a Palavra do Pai.

Acção
Senhor permite que todos os dias, pela vivência da fé, ser presença do amor de Cristo.

Quarta-feira
«Não vos deixarei órfãos: voltarei para junto de vós.»

Jesus assegura aos discípulos que não os deixará orfãos, quando partir. Tanto o Pai como Jesus virão e viverão neles. Na ausência de Jesus é o Espírito Santo que os há de proteger, defender e guiar.

Meditação
Aquele que é fiel nos Mandamentos tem o amor do Pai, receberá o Espírito Santo, não ficará orfão quando Jesus partir. Esta promessa realiza-se sempre quando Jesus faz-se presente na Eucaristia e oferece-Se-nos na comunhão. O mesmo Espírito que Jesus promete aos seus discípulos também nos é oferecido a cada um de nós. Permitamos então que o Espírito Santo entre no nosso coração para  sermos também capazes de amar como Jesus.

Oração
Senhor, agradeço-Te a possibilidade que me deste de encontrar-me com o Teu Filho, Jesus Cristo, vivo, que, por amor, permanece no meio de nós, através da tua Palavra, da Eucaristia e da Santa Hóstia.

Acção
Ao longo do dia de hoje vou tentar ver no rosto do meu irmão a Tua presença, Senhor.

Quinta-feira
«Daqui a pouco o mundo já não Me verá, mas vós ver-Me-eis, porque Eu vivo e vós vivereis.»

Jesus parte para o Pai, mas tranquiliza os seus discípulos amados, dizendo-lhes que o Espírito Santo lhes ensinará o que precisam saber para viver, amar e servir Jesus.

Meditação
Jesus não está visivel entre nós, mas como os seus discípulos vamos confiar na Sua promessa e acreditar na força do Espírito Santo para orientar o nosso caminho e viver no amor de Jesus.

Oração
Espírito Santo dá-me a Tua Sabedoria para gerir todas as situações da minha vida.
Eu quero viver em Ti, no Teu Amor e na Tua Paz.

Acção
No decorrer deste dia vou procurar repetir “Jesus, quero viver em Ti”.

Sexta-feira
«Nesse dia reconhecereis que Eu estou no Pai e que vós estais em Mim e Eu em vós.»

No dia em que os discípulos sentirem em si a presença do Espírito da Verdade de que Jesus tanto lhes falava perceberão a relação que existe entre o Pai, o Filho e o Espírito Santo.

Meditação
Meditemos nós também sobre esta relação do Pai, do Filho e do Espírito Santo e como os discípulos abramos os nossos corações para que a sua presença seja uma constante nas nossas vidas.

Oração
Espírito Santo, Amor do Pai e do Filho ilumina o meu coração para entender bem a Verdade sobre Deus.

Acção
Que neste dia o meu rosto seja reflexo  para o próximo da presença do Espírito Santo.

Sábado
«Se alguém aceita os meus mandamentos e os cumpre, esse realmente Me ama. E quem Me ama será amado por meu Pai e Eu amá-lo-ei e manifestar-Me-ei a ele.»

Jesus insiste sempre com os seus discípulos sobre quem O conhece e segue os Seus mandamentos. Aquele que o ama verdadeiramente também será amado pelo Pai e Ele  Próprio dar-Se-à a conhecer inteiramente.

Meditação
Já percebemos que o Espírito Santo vem para amar aqueles que amam Jesus verdadeiramente. Quem assim ama passa a conhecer Jesus e quem O conhece conhecerá também o Pai.  Amar Jesus é amar-nos uns aos outros. E nós amamos verdadeiramente Jesus? Onde é que a minha vida é presença de Deus? Jesus requer amor. Esforçamo-nos nós para sermos obedientes e amarmos Jesus?

Oração
Agradeço a Deus por nos ter assegurado, antes da Sua partida para o Pai, a sua presença na nossa vida através da força e do amor do Espírito Santo.

Acção
Que hoje a nossa presença seja um bálsamo para os mais necessitados.

sábado, 28 de maio de 2011

Terço - Intenção: pelos fiéis leigos

1º Mistério
A anunciação

Meditação:
Maria foi uma mulher abençoada por ter sido escolhida por Deus. Teve medo e teve dúvidas, coisas naturais da Sua condição humana, mas confiou nas palavras que o Anjo lhe disse e aceitou o projecto que Deus tinha para Ela.
Assim são os fiéis leigos das nossas paróquias - muitas vezes são assaltados por dúvidas em relação às suas funções dentro da Igreja, mas acima de tudo amam Deus e acreditam no projecto que Ele tem para lhes oferecer.

Oração:
Meu Deus, obrigado pelos fiéis leigos que chamaste ao serviço das nossas paróquias e que aceitaram o Teu chamamento. Todos eles são importantes para o bom funcionamento das nossas igrejas. Ajuda-os a cumprirem sempre a função que Lhes confiaste.

2º Mistério
A visitação de Nossa Senhora à sua Prima, Santa Isabel

Meditação:
Nossa Senhora embora sendo uma pessoa comum, era muito generosa e de coração puro, e isso vê-se na visita que fez à sua prima Santa Isabel.
A visita de Nossa Senhora foi uma profecia do mandamento do Seu Filho: devemos amar-nos uns aos outros como Ele nos amou.
Dentro da Igreja, especialmente nas pessoas que nela colaboram, por vezes haverá pessoas de quem não gostamos tanto… pensemos que todas essas pessoas têm um objectivo em comum: o serviço a Deus.

Oração:
Senhor, o amor que tenho por Ti exige que ame todos os outros de igual forma, mesmo aqueles de quem não goste tanto.
Perdoa-me se por vezes não tenho paciência e não entendo as pessoas que colocaste ao Teu serviço e ao serviço da Tua Igreja.

3º Mistério
O nascimento do menino Jesus

Meditação:
É impressionante ver as condições de pobreza em que Jesus nasceu: numa gruta das colinas de Belém, fria e escura.
Mas isto faz-nos pensar que Deus pode e deve ser amado de todo o coração em qualquer sítio, independentemente das condições e por qualquer pessoa.
O amor a Deus não depende do sítio onde estamos, depende apenas das pessoas que somos.

Oração:
Neste mistério rezemos por todos os fiéis leigos por esse mundo fora para que, independentemente do sítio onde estejam e das condições que tenham, amem sempre Deus com todas as suas forças e nunca se arrependam de estar ao Seu serviço.

4º Mistério
Apresentação de Jesus no Templo

Meditação:
Maria, mais uma vez, aparece-nos como um exemplo de confiança plena e obediência, pois reconhecida com o que Deus lhe fez, leva o menino Jesus ao Templo, à casa de Seu Pai.
Assim devem ser os leigos ao serviço da Igreja Católica: agradecidos ao Pai por tudo o que Ele lhes ensina, frequentando a Sua casa e colaborando com a Santa Igreja.

Oração:
Maria Nossa Mãe, assim como Tu foste exemplo de obediência a Deus, fazei com que os leigos ao serviço das nossas paróquias sejam também sempre fiéis à Palavra do Senhor. Que tragam os seus filhos à Casa do Pai, tal como Tu o fizeste, de modo a que a Igreja de Deus cresça com o passar dos anos.

5º Mistério
Jesus perde-se e é encontrado no Templo

Meditação:
José e Maria desesperam por não saber do Filho e eis que o encontram no Templo, após terem passado momentos de aflição e grandes preocupações. Mas ao encontrarem Jesus alegram-se, como o pastor que encontra a sua ovelha perdida.
Assim acontece por vezes com os fiéis leigos ao serviço das nossas paróquias: têm preocupações, aborrecimentos, aflições… mas alegram-se ao encontrar Jesus e se colocarem ao Seu serviço.

Oração:
Meu Deus, assim como permitiste que José e Maria encontrassem Jesus, que julgavam perdido, fazei com que os leigos das nossas paróquias, sempre que se sentirem desanimados, encontrem a luz de Cristo para guiá-los e ajudá-los a desempenhar as suas funções com alegria e amor.

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Terço - Intenção: pelas RVBS paróquias


Oração Inicial
Rezemos pelas famílias de todo o Universo. Peçamos ao Pai que as ajude a superar as cruzes da vida, pensando no amor que Cristo nos dedicou morrendo por nós.
Hoje vamos rezar especialmente pelas nossas paróquias da Raposeira ,Vila do Bispo e Sagres. Fazei Senhor que os seus paroquianos sejam o sal da terra e que saibam condimentar a comunidade com valores cristãos.

1º Mistério
Agonia de Jesus no Horto

Meditação:
Depois da última ceia Jesus está em grande sofrimento. Sabe o esperam momentos muitos difíceis. Afasta-se para rezar. Precisa falar com o Pai. Precisa dizer-Lhe que obedecerá à Sua vontade. 

Oração:
Divino Espírito Santo, inspira os leigos das nossas paróquias. Faz-lhes entender que todos são poucos para as tarefas que Deus nos pede, e que todas as tarefas são lindas aos olhos de Deus.

2º Mistério
Jesus é flagelado

Meditação:
A multidão enfurecida começa a maltratar Jesus. E é com dedicação e com amor que Jesus aceita todas as humilhações e provações que aqueles momentos trazem.

Oração:
Senhor, como é bom chegarmos à Igreja e encontrarmos tudo limpo e arrumado nos devidos lugares. Alguém ofereceu algum do seu tempo para o fazer. Dai-lhes Senhor saúde, ânimo e paciência para continuarem e alento para não desistirem.

3º Mistério
Jesus é coroado com espinhos

Meditação:
Que dura provação. E que dedicação ao Pai e à Humanidade. Sabemos quanto custa quando nos apercebemos que alguém troça de nós. Aquela coroa de espinhos, além de dolorosa ,era o cúmulo do escárnio. E, mais uma vez, venceu o Amor.

Oração:
Jesus, como deves entender certas coisas que acontecem na Tua Igreja. Também aqui por vezes se ri e criticam os irmãos. Ajuda Bom Pai a que todos consigamos entender as limitações de cada um, não se achando ninguém mais do que o que está ao seu lado. Aconselha Senhor cada um de nós a se inter-ajudar para que todos possamos  ser capazes de Te servir.

4º Mistério
Jesus a caminho do Calvário

Meditação:
Jesus, no seu caminho para o Calvário, fala às mulheres de Jerusalém. E no meio de tal sofrimento ainda tem ânimo para as  aconselhar, dizendo-lhes que maus dias virão. Virão tentações, virão vinganças que terão de ser superadas com amor, coragem e muita fé em Deus.

Oração:
O calvário das nossas vidas é de longe mais suave do que o de Jesus. Mas, dentro das nossas Paróquias, há sempre alguém que se julga a mais infeliz das criaturas. Diz-lhes Senhor, Nosso Pai,  que não é assim. Faz, Divino Senhor, que cada um aceite o que a vida vem trazendo, com amor, com alegria e o faça como oferta ao Pai que de nós espera o melhor, tal como o fez Jesus Seu filho.

5º Mistério
Jesus é crucificado e morre na cruz

Meditação:
É o fim da Sua missão na Terra. Viveu uma vida exemplar, fez milagres, ensinou a humanidade a viver no amor ao próximo e ao Pai, e assim se entregou à morte na cruz, para que um dia nós , depois de carregarmos as nossas cruzes na Terra, possamos juntar-nos no Céu ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo.

Oração:
Meu Bom Jesus, que tanto nos amais, fazei que eu Vos ame cada vez mais. Peçamos a  Nossa Senhora  por todas as equipas que voluntariamente colaboram  para que tudo corra da melhor maneira nas nossas paróquias. Dai-lhes Santa Maria ânimo e saúde.

quinta-feira, 26 de maio de 2011

Terço - Intenção: pelos avós

Introdução:
Hoje mais uma vez vamos rezar pelas famílias de todo o mundo
Vamos pedir a Deus que encaminhe todos aqueles elementos que estão unidos por laços familiares, a conservarem intensamente essa união.
Peçamos a Deus que lhes dê força para vencerem as hostilidades e os desaires da vida.
Bom Pai do Céu, sede misericordioso na consolação das famílias que passam necessidades e alerta os corações das mais abastadas, para que olhem os mais fracos com carinho, lembrando a sua condição de irmãos em Cristo.
Vamos hoje rezar especialmente pelos Avós
Lembremos em primeiro lugar Santa Ana e São Joaquim avós de Jesus. Nos nossos humildes corações, vamos elevar as nossas vozes em oração, pedindo-lhes que intercedam junto de Deus por todos os nossos avós, para que saibam desempenhar o seu papel de pilar da família e que consigam com a sua experiência e vivências de vida, cultivar os valores da paz, do amor, da paciência, da harmonia, da justiça e do perdão.

1º Mistério
Baptismo de Jesus no Jordão

Meditação:
Neste Primeiro Mistério contemplemos o Baptismo de Jesus no Rio Jordão
É altura de recordarmos também o nosso próprio baptismo e o modo como Esse sacramento nos transformou a nós perante a Igreja, tornando-nos semelhantes a Cristo. É hora de repensarmos bem o nosso papel de cristãos e de cada um de nós se preocupar com as suas atitudes, no meio em que vive.

Oração:
Fazei Meu Bom Deus que o meu Baptismo não tenha sido uma celebração em vão. Que ele sirva para que a minha vida demonstre que sou um bocadinho semelhante ao Teu Filho Jesus.

2º Mistério
Jesus revela-se em Canãa

Meditação:
Durante a boda em Canãa, é-nos relatado o primeiro milagre visível de Jesus Cristo. Salienta-se também a atitude vigilante de Maria Sua Mãe, e a obediência de Seu filho. Que mesmo achando cedo, acudiu a suprir aquela falta. Poderemos dizer que foi o 1º Matrimónio, pois aqui se nota perfeitamente a bênção Divina.

Oração:
Senhora Santa  Maria, mãe atenta e vigilante ,olha por nós pecadores e com o Teu modo de agir encaminha-nos no caminho do bem rumo à santidade.

3º Mistério
Jesus anuncia o Reino de Deus

Meditação:
Este mistério é um convite à conversão. Jesus ensina-nos o quanto é necessário crer Nele e amar o próximo, para podermos fazer parte do Seu Reino.

Oração:
Jesus, nós precisamos de Ti. Sabes como somos fracos. Ao mais pequeno senão vem a desconfiança. Nem sempre te colocamos como valor principal. Tu és o Mestre, o Bom Pastor. Conduz-nos na estrada que nos leva até ao Teu encontro.

4º Mistério
Jesus transfigura-se

Meditação:
Neste Mistério salienta-se a intimidade de Jesus com Seu Pai e com os profetas do Antigo Testamento. Serviu para tirar dos discípulos qualquer dúvida que pudessem ter sobre a Divindade de Jesus e fortalecer a sua fé. É-nos apresentada neste mistério a Santíssima Trindade: A voz do Pai, a pessoa do Filho, e a luz do Espírito Santo.

Oração:
(faz-se silêncio...)

5º Mistério
Instituição da Eucaristia

Meditação:
Grande Homem foi Jesus! Sabendo o que o esperava quis festejar a Sua despedida com aqueles que costumavam acompanhá-lo.
Mas, não só. Quis mostrar-lhes que continuava presente no Pão e no Vinho. Pensemos no grande amor que se pode ter, ao entregar a vida para salvar os outros. Será que nós, temos Isto presente nos nossos corações pelo menos uma vez por dia?

Oração:
Aceita Senhor a celebração desta noite como penhor das nossas faltas e protege as avós por quem rezámos hoje muito especialmente. Dá-lhes Senhor a Tua mão para que não tropecem.
 

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Terço - Intenção: pelos estudantes

1º Mistério
A Ressurreição

Meditação:
Maria Madalena “voltou-se para trás e viu Jesus de pé”, esta imagem é fenomenal, anuncia o reaparecimento vivo do nosso “Mestre” depois de ter morrido. Voltou para salvar-nos, é motivo de grande alegria.
Somos capazes de Louvá-lo?

Oração:
Senhor, nos dias de hoje, as rotinas dos pais estão muito preenchidas pela vida profissional, resultando por isso curtos momentos de convívio em família. Os estudantes também passam grande parte do seu tempo nas instituições escolares, com os amigos e/ou entregues a si próprios.
Que a Vossa presença permanente os proteja e que eles saibam agradecer-Vos ao longo das suas vidas.

2º Mistério
A Ascensão

Meditação:
O Senhor, antes de subir ao Céu, disse que iríamos receber a força do Espírito Santo, é o testemunho que Jesus nos ama e quer que sejamos felizes. 
Perante tudo isto, será que estamos a olhar para o Céu?

Oração:
Jesus, a entrada para uma instituição escolar, na grande maioria das pessoas, ocorre quando são bebés, levados ao colo pelos seus pais, as crianças desenvolvem-se, atingem a adolescência e já são se consideram adultos, quando terminam a sua escolaridade.
O percurso de um estudante é demorado e marcado por várias fases do seu desenvolvimento global que o Senhor acompanhe todos os estudantes neste percurso das suas vidas.

3º Mistério
A descida do Espírito Santo sobre os Apóstolos

Meditação:
O versículo “Todos ficaram cheios do Espírito Santo e começaram a falar outras línguas, conforme o Espírito lhes inspirava que se exprimissem” revela a influência deste dom de Deus, o Espírito dá vida, renova e transforma.
Temos consciência de que é o Espírito que nos renova, orienta e nos anima?

Oração:
Meu Deus, os estudantes passam a infância, a adolescência e o início da idade adulta a estudar, na expectativa de terminarem os estudos e conseguirem uma colocação no mercado de trabalho, dentro da sua especialidade, cada vez há mais dificuldade em arranjar emprego.
Que o Espírito Santo desça sobre eles e os anime.

4º Mistério
A Assunção de Nossa Senhora

Meditação:
“Cristo ressuscitou (…) em Cristo todos voltarão a receber a vida.” A fé diz-nos que como Cristo ressuscitou e vive para sempre, também nós iremos um dia ressuscitar.
Vivemos uma vida tranquila ou apavorados com a morte?

Oração:
Senhor, houve estudantes que faleceram e não terminaram o seu percurso académico.
Que o Senhor os tenha, junto a Si, no Reino dos Céus.

5º Mistério
A Coroação de Nossa Senhora como Rainha do Céu e da Terra

Meditação:
O dragão transporta muita simbologia “grande dragão de fogo com sete cabeças e dez chifres”. Grande significa poderoso; o fogo remete para vermelho, cor de sangue; à cabeça associamos a inteligência, neste caso, sete simboliza uma inteligência total, capaz de seduzir e enganar; os chifres reforçam ideia de força, relembram animais que os usam para lutar. Este dragão destruidor mostrou o seu poder, lançando para a terra um terço das estrelas do céu, além de forte e esfomeado, olhava para a mulher grávida com um desejo enorme de lhe devorar o filho, no entanto foi derrotado.
Nasce Jesus, o Rei, o Vitorioso, que veio para governar todas as nações. Nesta leitura destaca-se acima de tudo a vitória do bem contra o mal.
E nós estamos confiantes das nossas acções?

Oração:
Senhor Jesus, livrai os estudantes de todas as tentações.